Existe um grande mistério em torno dos fatores de ranqueamento do Google. Mesmo que conheça algum deles, esse segredo o Google guarda a sete chaves. Mesmo assim, de tempos em tempos, executivos do Google revelam algumas pistas sobre como é possível indexar mais e melhor. Um deles é John Mueller, bastante ativo nas redes sociais, inclusive.

Questionado sobre o impacto do HTML ruim e de texto mal-escrito no conteúdo do site, Mueller respondeu primeiro que a interferência do HTML é levada em conta quando o código está tão quebrado que o Google não consegue entender o site. Veja o que ele diz:

Na maior parte do tempo, não nos importamos com o HTML se ele está quebrado ou não. A maior parte da web não tem HTML válido e temos que conviver com isso.As principais exceções que conheço em relação ao HTML corrompido são se ele está realmente corrompido de uma maneira muito ruim, no sentido de que não podemos reconhecer que uma página é compatível com dispositivos móveis. Esse é o único caso e geralmente esses tipos de páginas quebradas estão muito quebradas no navegador também.

No entanto, se você olhar para a página e ela parecer normalmente no navegador, mesmo que haja um HTML corrompido, provavelmente está tudo bem.”

Erros de ortografia e gramática afetam a qualidade

Quando o assunto é qualidade gramatical do texto, o executivo do Google pontuou que o nível de qualidade do texto e da gramática afetam a indexação. Sobre esse tema, Mueller diz o seguinte:

“No que diz respeito aos erros de ortografia, erros gramaticais, temos que ser capazes de reconhecer do que trata uma página. E se não é poissível entender isso pela quantidade de erros no texto, então fica mais difícil.

O outro aspecto também é que tentamos encontrar conteúdo realmente de alta qualidade na web e às vezes pode parecer que uma página é um conteúdo de qualidade inferior porque tem muitos erros gramaticais e técnicos no texto.

Então, isso é algo que, do meu ponto de vista, se você estiver ciente desses tipos de problemas, eu simplesmente consertaria isso.

Eu quase diria que ortografia e gramática são provavelmente para a maioria dos sites uma prioridade mais alta do que HTML quebrado.”

Impacto do HTML corrompido e gramática ruim

O HTML tem que ser muito ruim antes de afetar as classificações, porque torna difícil para o Google entender a página da web porque não consegue identificar os elementos da página, como títulos e cabeçalhos, nem mesmo identificar onde está o conteúdo.

Agora, quando se trata do conteúdo, a história é diferente. Ortografia e gramática inadequadas podem afetar as classificações porque afetam os usuários e, portanto, são um problema de qualidade.

O problema vai existir também com as traduções automáticas, que resultam em gramática inadequada e que vão afetar a classificação do site em outros idiomas.

Portanto, conteúdo, temática aprimorada e construção profissional do texto fazem a diferença quando o assunto é indexação orgânica.

Entre em contato

Tel: + 11 2246.3613
Av. Engenheiro Luís Carlos Berrini, 1748 - Cj 1710 - Cidade Monções, São Paulo - SP, 04571-000
SEG-SEX 09:00 - 18:00